Dívida pública pode ficar próxima de R$ 4 trilhões em 2018, diz Tesouro

naom_59940660448bb

Após crescer R$ 447 bilhões em 2017 e atingir um total de R$ 3,55 trilhões, a dívida pública do governo federal continuará a crescer e poderá chegar a quase 4 trilhões no fim de 2018, de acordo com números divulgados pela Secretaria do Tesouro Nacional nesta quinta-feira (25).

Se o patamar máximo de até R$ 3,98 trilhões se confirmar, a alta da dívida, neste ano, será de R$ 421 bilhões, o equivalente a 11,8% de aumento. Os números constam no Plano Anual de Financiamento (PAF) da dívida pública.

O nível de quase R$ 4 trilhões para a dívida no fim deste ano, porém, é o teto. O Tesouro Nacional também informou que o crescimento pode ser menor, de R$ 221 bilhões, para R$ 3,78 trilhões, que é o piso para o patamar da dívida no fim de 2018, ou seja, a alta mínima prevista. Neste caso, a elevação seria de 6,2%.

A dívida pública federal é a contraída pelo Tesouro Nacional para financiar o déficit orçamentário do governo federal, ou seja, pagar pelas despesas que ficam acima da arrecadação com impostos e contribuições.

Quando os pagamentos e recebimentos são realizados em real, é chamada de interna. Quando tais operações financeiras ocorrem em moeda estrangeira, usualmente o dólar norte-americano, a dívida é classificada como externa.

fonte: G1

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s