CPMI Fake News: Ex-funcionário de agência assume que fez disparos em massa para o PT

A CPMI das Fake News recebeu Hans River do Rio Nascimento,  ex-funcionário da empresa Yacows, acusada de crimes digitais nas eleições de 2018. Ele contrariou sua primeira entrevista dada a Folha de São Paulo e disse que o PT era um dos principais clientes da empresa. Hans também explicou como funcionava o esquema de envio massivo de mensagens via whatsApp. Deputados e Senadores pediram a convocação da jornalista da Folha de São Paulo para prestar esclarecimentos. 

(Via: Rádio Senado)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s